Uopeccan inicia atividades de conscientização sobre Segurança do Paciente

No dia 17 de setembro comemora-se o Dia Mundial de Segurança do Paciente, para compor a campanha e principalmente reforçar a importância dos cuidados, o Hospital do Câncer Uopeccan realiza de terça (15) até quinta-feira (17), atividades com os colaboradores e pacientes

Por Programa do Tatu

16 de setembro de 2020, 15h12

No dia 17 de setembro comemora-se o Dia Mundial de Segurança do Paciente, para compor a campanha e principalmente reforçar a importância dos cuidados, o Hospital do Câncer Uopeccan de Cascavel e Umuarama, representado pelo Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) realiza de terça (15) até quinta-feira (17), atividades com os colaboradores e pacientes. “A celebração possibilita o desenvolvimento de ações que reforçam práticas seguras, aumentando a conscientização, envolvimento do público, e melhorando a compreensão de todos a acerca do tema. Por meio desse movimento é possível estimular a solidariedade e a promoção da segurança do paciente”, destacou coordenadora do NSP, Débora Viganó.

A instituição conta com o Núcleo de Segurança do Paciente desde 2013, o qual tem como objetivo identificar, analisar e reduzir os riscos aos pacientes, familiares e profissionais envolvidos no processo da assistência. Neste ano o tema da campanha é “A Segurança do Paciente está em suas mãos! “Sem vocês, nada seria possível” #eumecomprometo.

De acordo com a coordenação do NSP de Cascavel, o trabalho realizado pelo profissional de saúde é fundamental para garantir segurança aos pacientes, até mesmo para saber lidar com as circunstâncias durante o processo do atendimento. “O nosso objetivo é orientar a equipe multidisciplinar que todos devem estar munidos de bons conhecimentos técnicos e acadêmicos para não só manter e aplicar os protocolos e práticas de segurança de maneira instintiva, mas estarem prontos para lidar com as adversidades”.

Segundo a coordenadora do NSP de Umuarama, Karla Danielly Silva, a ação além de envolver diretamente ou indiretamente as pessoas que estão envolvidas com a segurança do paciente, também reforça a prevenção de possíveis riscos. “As ações de identificação de riscos consistem em captar, analisar e trabalhar os potenciais dos perigos para prevenir a ocorrência, em seguida é feito uma divulgação nas unidades de assistência ao paciente. Por meio das notificações realizadas, são levantadas as maiores e constante falhas conforme evidenciadas, assim é possível executar melhorias e medidas preventivas para alinhar o processo”.

O envolvimento dos pacientes e familiares como parceiros críticos e ativos no processo de cuidar trazem contribuições importantes para segurança e a prevenção de incidentes. A inclusão deles contribui para melhoria da terapêutica clínica proposta pela equipe multiprofissional, deixando de ser receptores passivos.

Programação:

A Uopeccan de Cascavel e Umuarama recebeu uma luz laranja para celebrar o “Dia Mundial da Segurança do Paciente”. A iluminação diferenciada acontece durante toda esta semana. Nas duas unidades foram entregues folder alusivo a data.

Em Umuarama, uma homenagem foi realizada pela Escola de Música na terça-feira (15), em frente ao hospital. Para compor esse dia especial, balões foram soltos para conscientizar toda população.