Suspeitos de roubarem fazendas e grandes empresas no Paraná são alvo de operação

Policiais cumprem mandados em Ponta Grossa, Maringá, Colombo, Cianorte, Araruna e Indianópolis. Um helicóptero também auxilia na operação.

Por Programa do Tatu

21 de julho de 2021, 09h45

(Foto: Divulgação)

A Polícia Civil desencadeou uma operação para prenderam quadrilha formada por 21 pessoas suspeitas de envolvimento em roubos de fazendas e de grandes empresas em seis cidades do Paraná, na manhã desta quarta-feira, 21. A ação é comandada pela Delegacia de Ponta Grossa, nos Campos Gerais.

Além dos 21 mandados de prisão, os policiais cumprem outras 26 ordens de busca e apreensão, além da apreensão de sete veículos.

Os alvos são suspeitos de integrarem uma organização criminosa especializadas em roubos de propriedades e empresas de grande porte, principalmente dos Campos Gerais do Paraná.

A polícia informou que os criminosos tinham como objetivo levar defensivos agrícolas e fios de cobre. Durante os roubos, o grupo usava violência, com uso de armas de fogo. Famílias também eram feitas reféns.

As investigações começaram há cinco meses e apontaram que a organização criminosa cometeu dezenas de crimes, com prejuízos milionários às vítimas.

Policiais cumprem mandados em Ponta Grossa, Maringá, Colombo, Cianorte, Araruna e Indianópolis. Um helicóptero também auxilia na operação.

Bem Paraná/Assessoria