Reforma e ampliação permitirão abrir novas vagas no CMEI Maria Montessori

A Prefeitura está investindo R$ 442.885,24 na construção de duas salas de aula, com solário e fraldário para as crianças menores. Além da ampliação, a unidade também receberá pintura e uma reforma geral

Por Programa do Tatu

10 de agosto de 2020, 09h29

O Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Maria Montessori, localizada no Parque Vitória Régia, é uma das unidades educacionais de Umuarama que vem recebendo investimentos para melhorar as condições de infraestrutura e ampliar a oferta de vagas para uma das faixas de maior demanda no setor. A Prefeitura está investindo R$ 442.885,24 na construção de duas salas de aula, com solário e fraldário para as crianças menores. Além da ampliação, a unidade também receberá pintura e uma reforma geral.

Conforme contrato, a empresa responsável pelo serviço executa obras de ampliação com área de 266,11 m². Os recursos fazem parte do Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), uma parceria entre o município e o governo federal, por meio da Caixa Econômica Federal – que criou a linha para facilitar e ampliar a concessão de crédito para obras de saneamento ambiental, transporte, logística e infraestrutura.

A adesão de Umuarama ao Finisa teve o apoio dos vereadores da base na Câmara, Toninho Comparsi, Júnior Ceranto, Newton Soares, Ronaldo Cardoso, Maria Ornelas e do presidente Noel do Pão. “Com esses recursos conseguimos realizar uma série de obras importantes e a Educação tem sido o setor prioritário. Utilizando também recursos próprios, estamos com obras em praticamente todas as unidades – desde pintura, reformas e ampliações, até a construção de novas unidades. São cerca de R$ 15 milhões em investimentos”, destacou o prefeito Celso Pozzobom.

A secretária municipal de Educação, Mauriza de Lima Menegasso, informa que pelo menos 12 novas salas de aula devem ser incorporadas ao sistema no próximo ano letivo. “Além da ampliação do CMEI Maria Montessori, temos obras em andamento na Escola Dr. Ângelo Moreira da Fonseca, que favorecerão a educação infantil, e também nos CMEIs Madre Paulina (Parque Danielle) e Graciliano Ramos (Conjunto Ouro Branco), em fase adiantada de construção”, disse a secretária.

Com as novas salas, a Secretaria de Educação espera atender a pelo menos 20% da demanda reprimida com mais vagas para crianças de 0 a 3 anos.