Recuperação de galerias com fissuras na Parigot de Souza termina nesta sexta

De acordo com o secretário, as fissuras aparecem devido à movimentação natural da terra, após longos períodos de chuva.

Por Programa do Tatu

19 de fevereiro de 2021, 17h00

A Prefeitura de Umuarama deve concluir nesta sexta-feira, 19, a recuperação de fissuras em tubulações na Avenida Parigot de Souza, ao lado do antigo Poliesportivo. Após sondagens da equipe da Secretaria Municipal de Obras, Planejamento Urbano, Projetos Técnicos e Habitação, o secretário Isamu Oshima determinou a realização do serviço antes que a rede chegasse a se romper, o que poderia proporcionar transtornos ao tráfego e um estrago muito maior.

De acordo com o secretário, as fissuras aparecem devido à movimentação natural da terra, após longos períodos de chuva. “Aquela tubulação está a grande profundidade, cerca de 8 metros abaixo do pavimento em alguns pontos. Como são conectadas a grandes caixas de concreto, com o tempo é normal haver pequenos deslocamentos. Por isso realizamos sondagens e monitoramento constante, para resolver os danos antes que ganhem maiores proporções”, disse Isamu.

O secretário lembrou que em janeiro foram mais de 500 mm de chuvas acumuladas e fevereiro também vem tendo um volume significativo de precipitações. “É muita água correndo pela tubulação, mesmo assim não tivemos grandes problemas e a população pode notar que os alagamentos também diminuíram bastante. Isso é resultado dos investimentos que o prefeito Celso Pozzobom tem feito no reforço, manutenção e ampliação das galerias pluviais em toda a cidade”, destacou.

O diretor de Obras da Prefeitura, engenheiro Renato Caobianco, explicou que aquele ponto da Avenida Parigot de Souza – entre a Rua Ibiaí e a Avenida Rondônia – existem duas grandes caixas de ligação com 4m e 8m de profundidade, que recebem várias redes de galerias e são conectadas por uma tubulação. Foi nessa conexão que surgiram as fissuras, entre os tubos e a parede de concreto. O serviço compreendeu a limpeza e concretagem das fraturas, reforçada por uma armação de ferro.

O meio-fio do trecho já foi alinhado e nesta sexta-feira a calçada será novamente concretada, bem como será recuperada a capa asfáltica entorno da boca da caixa, onde houve o afundamento do solo. Nesta quinta, equipes da Prefeitura também recuperaram um poço de visita que estava com problemas no final da Rua Colibri. Rachaduras no fundo da estrutura estavam causando erosão à margem da via pública.