Receita Federal destrói quase 200 toneladas de cigarros contrabandeados, em Foz do Iguaçu

Segundo a Receita Federal, mais de 130 milhões de cigarros produzidos no Paraguai serão destruídos; mercadorias foram apreendidas no Mato Grosso do Sul

Por Programa do Tatu

30 de julho de 2020, 15h48