PRF apreende três carretas carregadas com cigarros contrabandeados na BR-163

Foram dois rodotrens e um bitrem, totalizando 2,1 milhão de carteiras de cigarros, avaliados em 10,5 milhões de reais

Por Programa do Tatu

24 de junho de 2020, 16h27

Nesta terça-feira (23), três ocorrências de apreensão de carretas carregadas com cigarros contrabandeados do Paraguai foram realizadas pela PRF entre os municípios de Marechal Cândido Rondon e Toledo, no estado do Paraná.

A primeira apreensão ocorreu por volta das oito horas da manhã, na BR 163, em Marechal Cândido Rondon, quando os policiais abordaram uma carreta rodotrem, conduzida por um homem de 26 anos de idade, de origem paraguaia.

Ao verificarem a carga, descobriram que havia aproximadamente 1500 caixas de cigarros contrabandeadas do Paraguai. O condutor, que foi preso em flagrante.

Uma hora depois, ainda em Marechal Cândido Rondon, outra equipe da PRF, após receber denúncia anônima, deslocou até a área urbana da cidade, quando encontrou outra carreta rodotrem carregada com mais 1500 caixas de cigarros, deslocando em uma avenida.

Na tentativa de evitar a abordagem, o condutor acelerou e tentou jogar o veículo sobre a viatura, que realizou manobra evasiva e evitou o acidente, na sequência a carreta colidiu com uma árvore e com uma viatura pertencente a Polícia Civil, que se encontrava estacionada em uma das ruas. O motorista saltou e tentou fugir, mas foi detido logo em seguida.

E no final da tarde, mais uma carreta bitrem foi apreendida pela PRF na BR 163, desta vez em Toledo, com cerca de 1200 caixas de cigarros. Neste caso, o condutor conseguiu fugir adentrando a uma plantação.

As ocorrências foram encaminhadas para a Polícia Federal e para a Receita Federal em Guaíra.

Somadas as três apreensões, totalizaram aproximadamente 2,1 milhão de carteiras de cigarros, avaliados em 10,5 milhões de reais e a perda dos veículos utilizados, gerando prejuízo as quadrilhas de contrabando que atuam na região.

Estas ações fazem parte da Operação Tamoio II, que foi iniciada no último domingo (21), na qual ocorrem ações coordenadas pela PRF, com uso de equipamentos, tecnologias avançadas, agentes de inteligência e policiais especializados, em diversas áreas de atuação, contra a criminalidade em todo o País.