Planalto

Mutirão pode ajudar quase um milhão de inadimplentes no Paraná

A ação pode beneficiar boa parte dos inadimplentes do Paraná — aqueles com contas em atraso

Por Programa do Tatu

11 de setembro de 2019, 08h25

Consumidor.gov
Curitiba, 05/08/2019 – Foto: Geraldo Bubniak/ANPr

O Departamento Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-PR), da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho promove de hoje até 30 de setembro mutirão online de negociação de dívidas. A ação é uma iniciativa conjunta do Procon-Paraná, com a Associação Brasileira de Procons (Proconsbrasil) e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e acontecerá exclusivamente pela internet, através da plataforma de solução de conflitos consumidor.gov.br.

A ação pode beneficiar boa parte dos inadimplentes do Paraná — aqueles com contas em atraso. Até o começo de agosto deste ano, eram cerca de 974 mil pessoas com dívidas em atraso de até R$ 500 no Estado.

Para participar do mutirão online, basta o consumidor fazer o seu registro na plataforma www.consumidor.gov.br e aguardar seu login e senha. Nesse momento, o consumidor poderá fazer o relato do seu problema, devendo informar que deseja participar do mutirão de negociação de débitos. Após finalizar o registro, o banco ou instituição financeira tem o prazo de 10 dias para apresentar uma proposta ou resposta para o consumidor.

As principais dívidas dos paranaenses são com o cartão de crédito, financiamento da casa e do carro, carnês, crédito consignado, crédito pessoal, cheque especial, pré-datado. Ou seja, as principais dívidas, são com instituições financeiras.

Como participar do mutirão

– Para participar do mutirão online, basta o consumidor fazer o seu registro na plataforma www.consumidor.gov.br e aguardar seu login e senha
– Nesse momento, o consumidor poderá fazer o relato do seu problema, devendo informar que deseja participar do mutirão de negociação de débitos. Após finalizar o registro, o banco ou instituição financeira tem o prazo de 10 dias para apresentar uma proposta ou resposta para o consumidor
– No momento do preenchimento do registro, é preciso informar corretamente telefones e e-mail para contato, pois esses dados vão facilitar o atendimento por parte dos bancos e instituições financeiras participantes
– O Procon-Pr orienta, ainda, que o consumidor, no seu relato, informe que está participando do mutirão, com a seguinte hashtag: #MutiraoProconsBrasil. Terminado o prazo para resposta do fornecedor, o consumidor tem 20 dias para avaliar o retorno prestado.

Odonto San
Redefarma