Morre Rebeca, cadela que teve o focinho dilacerado por rojão nas comemorações de Ano Novo

A boca de Rebeca ficou dilacerada com a explosão. Ela chegou a passar por uma cirurgia, mas não resistiu ao sofrer uma parada cardiorrespiratória durante sua recuperação.

Por Programa do Tatu

12 de janeiro de 2021, 15h18

A cadela Rebeca, que ficou ferida após um rojão estourar dentro da boca, morreu nesta segunda-feira (11), em Curitiba. A informação é da Polícia Civil. O animal foi resgatado em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, no dia 1º de janeiro com ferimentos graves no focinho e na língua.

Ela passou por cirurgias e chegou a perder uma parte do focinho. Segundo a Associação Beneficente Grupo Força Animal, que estava cuidando de Rebeca, o animal teve uma parada respiratória decorrente de infecções causadas pela explosão.

Investigação

O resgate aconteceu após a polícia receber uma denúncia anônima de que o animal tinha ficado ferido durante as comemorações de Ano Novo. Durante a investigação sobre maus-tratos, um homem foi ouvido, mas ele não foi responsabilizado por ter transtornos mentais.

De acordo com o depoimento, ele soltou o rojão, mas a cadela correu e pegou o explosivo com a boca.

Redação Bem Paraná com assessorias