Redefarma

Micropavimentação é finalizada nos bairros Alvorada e São Gaetano

O trabalho compreende limpeza das vias, recuperação dos buracos com massa asfáltica quente, compactada com rolo, e aplicação do micropavimento para proteger o piso contra a umidade

Por Cidade Urgente

7 de dezembro de 2018, 07h16

Com o bom tempo das últimas semanas, a segunda etapa do Programa de Micropavimentação, que tem melhorado as condições do trânsito em diversos bairros da cidade, está avançando rapidamente. O novo contrato, entre o município e o Cindepar (Consórcio Público Intermunicipal de Inovação e Desenvolvimento do Paraná), prevê a recuperação de mais 64 mil m² de vias públicas, com um serviço que tem sido muito bem recebido pela população.

Segundo o prefeito Celso Pozzobom, trata-se de uma solução para o asfalto de muitas ruas que sofrem necessidade constante de reparos e conservação. “Muitos bairros contam com pavimentos antigos, desgastados pelo tempo e pelo uso, que regulamente apresentam buracos. Com a micropavimentação esse problema é eliminado”, explicou.

O trabalho compreende limpeza das vias, recuperação dos buracos com massa asfáltica quente, compactada com rolo, e aplicação do micropavimento para proteger o piso contra a umidade – maior inimiga da conservação do asfalto. “Com a capa asfáltica selada pela micro, evitamos o surgimento de novos buracos e com isso aumentamos bastante a vida útil do pavimento”, explica o secretário municipal de Obras, Planejamento Urbano e Projetos Técnicos, Isamu Oshima.

Nesta etapa, serão atendidos trechos de ruas dos jardins Tropical I e II, São Rafael, Ipanema, União, San Fernando, Jardim Alvorada e Parque San Gaetano. Destes, o serviço já foi concluído no Tropical I e II, San Rafael (com reperfilamento na rua principal) e São Fernando (também com reperfilamento na rua principal). Nesta quinta-feira, 6, a equipe aplicava a micropavimentação na Rua 15 de Novembro, que corta os bairros Alvorada e São Gaetano, concluindo o serviço nestas localidades.

A micropavimentação tem quatro anos de garantia, lembra o secretário Isamu, “mas o serviço costuma ter uma durabilidade ainda maior”. Além da resistência e rapidez na aplicação, outra vantagem é o baixo custo por m², graças ao sistema de rateio entre os municípios, por meio do consórcio. É um processo inovador. “Tenho acompanhado o serviço e os resultados agradam. A comunidade está aprovando esse novo sistema, que permite um resultado muito melhor que o tapa-buraco tradicional e, por conta do baixo custo, possibilita atender muito mais bairros”, completou o prefeito Celso Pozzobom.

Na primeira etapa, a micropavimentação foi aplicada nos bairros Alphaville, Bandeirantes, Primeiro de Maio, Los Angeles, Guarani, Shangrilá, San Marino, Conjunto Sonho Meu (I e II e lotes urbanizados), Ouro Branco, Parque Caiuá, jardins Alvorada e Panorama. No futuro, havendo disponilibidade de recursos, mais bairros poderão ser atendidos.

Planalto
Odonto San